O que é a Biópsia de Próstata?

A biópsia de próstata é o único exame capaz de confirmar a presença de câncer na próstata e envolve a remoção de pequenos pedaços da glândula para serem analisados no laboratório, de modo a identificar a presença, ou não, de células malignas.

Quando é recomendado fazer a biópsia.

Geralmente, este exame é aconselhado pelo urologista quando existe suspeita de câncer, especialmente quando o valor de PSA está elevado, quando são encontradas alterações na próstata durante o toque retal, ou quando é realizada uma ressonância da próstata com achados suspeitos. 

A biópsia de próstata está indicada nos seguintes casos:

  • Toque retal da próstata alterado;
  • PSA acima de 2,5 ng/mL até aos 65 anos;
  • PSA acima de 4,0 ng/mL acima dos 65 anos;
  • Densidade de PSA acima de 0,15 ng/mL;
  • Velocidade de aumento do PSA acima de 0,75 ng/mL/ano;
  • Ressonância multiparamétrica da próstata classificada como Pi Rads 3, 4 ou 5.

Na maior parte dos casos, o câncer de próstata, quando presente, é identificado logo após a primeira biópsia, porém o exame pode ser repetido quando o médico não fica satisfeito com o resultado da 1ª biópsia, especialmente se houver:

  • PSA persistentemente elevado e com velocidade superior a 0,75 ng/mL/ano;
  • Neoplasia intra-epitelial prostática (NIP) de alto grau;
  • Proliferação atípica de pequenos ácinos (ASAP).

A segunda biópsia deve ser feita apenas depois de 6 semanas da primeira. Caso sejam necessárias uma 3ª ou 4ª biópsia é aconselhado esperar, pelo menos, 8 semanas.

Como é feito o exame?

A biópsia é feita com o homem deitado de lado, com as pernas dobradas, devidamente sedado. A seguir o médico faz uma breve avaliação da próstata realizando o toque retal, e depois dessa avaliação, o médico introduz um aparelho de ultrassom no ânus, que guia uma agulha até um local perto da próstata.

Essa agulha faz pequenas perfurações no intestino para chegar até à próstata e recolhe vários pedaços de tecido da glândula, e das regiões ao seu redor, que serão analisados em laboratório, em busca de células que possam indicar a presença de câncer.

Para que serve este exame?

A biópsia de próstata é o único exame capaz de confirmar a presença de câncer na próstata e envolve a remoção de pequenos pedaços da glândula para que sejam analisados no laboratório, a fim de identificar a presença, ou não, de células malignas.

Não possui convênio? Confira nossa tabela especial para você! Entre em contato através do whatsapp.

Orientações Importantes

Preparo do Exame

Política de Privacidade e Termos de Uso

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação. Ao continuar navegando neste site, você concorda e declara estar ciente dos termos: Política de Privacidade — Termos de Uso.